Seminário aborda MP 871/2019 e suas consequências para os vigilantes


A diretoria do Sindicato dos Vigilantes de Barueri participou na manhã desta quinta-feira, 28, de um seminário sobre a Medida Provisória (MP) 871/2019, que trata da Operação Pente Fino nos benefícios previdenciários como aposentadoria, salário-maternidade, pensão por morte, auxílio reclusão e BCP/LOAs.

A MP está em vigor desde 18/01/19 e o estudo abordou as implicações dessas novas regras para os vigilantes.

De acordo com o advogado especialista em direito previdenciário André Luiz Domingues Torres, sócio do escritório Crivelli Advogados e responsável pelo seminário, a MP 871 é um “pente fino” da Previdência que tira direitos dos trabalhadores e dificulta o acesso aos benefícios.

“A partir de agora os médicos do INSS receberão um bônus para serem mais ‘criteriosos’ na concessão dos benefícios. Em outras palavras, quanto mais benefícios eles negarem, mais bônus ganharão”, explicou.

O especialista afirma ainda que os vigilantes serão duramente afetados e é importante que os integrantes do Sindicato estejam preparados para orientar todos aqueles que procurarem ajuda.

ENQUETE


Obrigado! Sua resposta foi cadastrada com sucesso!